A ACM não para!

A ACM não para! Nossa distância é apenas física.

Mesmo a distância, on-line, por causa da pandemia de Covid-19, a Família Acemista, que compõem as 11 unidades esportivas e 20 pontos de atendimento social no Estado de São Paulo, está em ação, focada em saúde, bem-estar, qualidade de vida, solidariedade e conscientização acerca do que se pode fazer para ajudar o próximo e reduzir a propagação do novo corona vírus regionalmente.

Para abraçar a todos os associados, beneficiários e voluntários, num momento de crise sanitária, com quarentena e isolamento social duradouros, a Instituição abriu frente de trabalho especial acionando três grandes áreas: Educação Física e Saúde, Desenvolvimento Social e Liderança Juvenil, com o apoio de educadores, assistentes sociais, jovens líderes acemistas e do departamento de comunicação e marketing da Instituição.

A primeira ação foi o lançamento da ferramenta on-line “ACM Home”, com a qual todo o quadro associativo teve e ainda tem acesso a atividades físicas por meio de videoaulas, totalmente gratuitas, a qualquer hora do dia e em quantas vezes desejar. E pensando em fortalecer a comunidade, a ACM liberou o acesso a toda e qualquer pessoa interessada em praticar um exercício da forma correta e segura.  

Na ACM Home, o público tem à disposição todas as aulas dos sistemas YFitness (YJump, YPower, YFight etc.) e YWellness (YHatha Yoga, YAlongamento, YEssence etc.), além de Treinamento Funcional, atividades lúdicas e de culinária para crianças e seus respectivos familiares.

A plataforma contribuiu para o pontapé inicial de aproximação entre ACM e acemistas, contudo, não foi o suficiente para amenizar a saudade dos educadores e associados, uma vez que apenas o corpo técnico docente gravou as aulas, sem a participação de outros profissionais de Educação Física de todas as unidades. Assim, uma nova estratégia surgiu: aulas ao vivo, as lives, nos perfis e páginas oficiais da ACM São Paulo no Facebook e Instagram.

São, aproximadamente, seis aulas diárias, no Instagram e Facebook das unidades esportivas, com a presença de educadores das 11 unidades, ao longo do dia, de segunda a sábado. Com isso, de acordo com Cristina Neglia, secretária executiva responsável pela área de Educação Física e Saúde da ACM, atinge-se um público bem maior de associados participantes e de educadores, com aulas integrais, com maior interação. “As lives são boas para o quadro associativo, para o fortalecimento da comunidade, uma vez que diversos públicos terão acesso gratuitamente às aulas completas oferecidas pela ACM, e para a equipe, que ficou ainda mais motivada ao dar aulas ao vivo para matar a saudade”, salientou Cristina.

Além das lives voltadas às atividades físicas, a secretária adiantou também que há aquelas que trazem informações extras, “um up”, com a presença de nutricionistas, psicólogos, entre outros profissionais. Ou seja, mais incentivo e motivação à participação e acompanhamento das redes sociais da ACM São Paulo.

DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Na área de Desenvolvimento Social, a ACM também está on-line, com diversas atividades voltadas a crianças e seus familiares e a pessoas acima dos 60 anos, organizadas pelos Centros de Desenvolvimento Comunitário (CDCs). Na programação, destaque para os desafios culturais, brincadeiras e jogos pedagógicos, mensagens devocionais, enviados por WhatsApp aos beneficiários, além de proposta de produção de vídeos, em casa, nas disciplinas de música e dança.

Mas as ações não ficam por aí. As coordenadoras de alguns CDCs são responsáveis por organizar doações de cestas básicas e leite, roupas e cobertores, kits de higiene pessoal e de limpeza, e distribuição de revistinhas em quadrinho para a garotada. Tudo para que o dia a dia de pessoas, famílias e comunidades seja um pouco mais agradável e suportável durante a quarentena. Vale ressaltar ainda as várias videoaulas ensinando percussão, danças brasileiras, arte com recicláveis e confecção de sabão em pedra.

As assistentes sociais estão sempre em contato com os beneficiários, por intermédio do WhatsApp e por ligações telefônicas, acompanhando como os acemistas estão lidando com a crise, inclusive com envio de questionário com perguntas sobre saúde e situação socioeconômica, a fim de apoiá-los de forma assertiva em suas necessidades, orientando-os, sobretudo, como buscar ajuda dos órgãos públicos. Sem contar que há CDCs que disponibilizam plantão de atendimento psicológico, escuta e orientações durante a pandemia.

Além de todas as ações citadas, há de se destacar também a iniciativa de alguns pontos de atendimento social da ACM, que colocaram em prática a atividade inspirada na campanha “Sentimentos no Papel”, do Unicef. Nela, as crianças beneficiárias desenham respondendo a pergunta: “O que você está sentindo neste momento na quarentena?”. Na sequência, apresentam suas obras no Facebook das unidades esportivas da ACM São Paulo e por WhatsApp.

JOVENS 

E a liderança juvenil da ACM São Paulo, representada por acemistas do CampusACM, setor inserido na Área Programática de Jovens, responsável por pensar e colocar em prática programas e atividades para a juventude dentro e fora da Instituição, não ficou parada e liderou diversas ações on-line para amenizar o peso da crise da Covid-19.

Para começar, foram divulgados, em vídeo, informativos sobre o corona vírus, nos perfis dos Corpos de Líderes (CLs) das unidades Lapa, Santo Amaro e Itaquera. E houve o lançamento do programa “Campus Convida”, também no Instagram, em que os jovens entrevistam especialistas de diversas áreas (finanças, organização, saúde mental, cuidados na proteção com a Covid), num bate-papo jovial e dinâmico, para entreter e informar durante a quarentena.

Além disso, a liderança juvenil organizou, em parceira com a Divisão de Comunicação e Marketing e Primeira Igreja Presbiteriana do Estado de São Paulo, o Culto em Ação de Graças pelos 176 anos do Movimento Acemista, que foi transmitido ao vivo, no dia 06 de junho – Dia do Acemista – simultaneamente nas páginas da ACM no Facebook, Instagram e YouTube. Momento de muito louvor e agradecimento a Deus pela saúde dos acemistas e em memória e respeito às vítimas da Covid-19.

Os jovens ainda realizaram intercâmbio virtual com os da ACM do Uruguai; organizaram algumas atividades de camping via chamadas on-line em grupo; oraram nas edições virtuais do Pray, utilizando as hashtags #PrayForTheWorld e #JesusIsRisen; lançaram um festival de covers da música, com “The Voice On-line”; fizeram festa do pijama on-line, “Netflix Party”; e, mais uma vez, colocaram em prática uma das ações mais representativas de responsabilidade social, que é a marca das ações dos jovens: “Rolezinho Sangue Bom”, uma campanha de incentivo à doação de sangue, que vem sendo realizada há mais de dez anos, organizada pelo CL da unidade Santo Amaro.

“A nossa distância é apenas física, mas a alma acemista está mais próxima do que nunca e nossa missão não para. […]mantenham a chama do fogo da amizade acesa porque os jovens e suas comunidades precisam de vocês [jovens líderes]”, declarou Edney Delgado, secretário executivo responsável pela Área Programática de Jovens.

“É hora de curtir a ACM de uma forma diferente, porque nós sempre estivemos de portas abertas, recebendo com muito entusiasmo e carinho, agora, são as pessoas que estão abrindo as portas de suas casas para receber a ACM”, disse Cristina Neglia, complementando: “Já, já estaremos de volta, com o mesmo amor e dedicação. Olho no olho”. Enquanto isso, aproveite tudo o que a ACM São Paulo tem a oferecer on-line.

Fique com a gente! Cuide-se. Juntos, venceremos mais esse desafio.